Empresa de jogos online irá patrocinar o Corinthias

Publicado por CasinoTopsOnline em 11.January.2019 em Notícias da Indústria

Mês passado, o ex-presidente do Brasil, Michel Temer, assinou a lei provisória que regulamenta as apostas esportivas no País, transformando-a em lei. Ele foi acompanhado pelos Ministros do Esporte, da Cultura, da Segurança Pública e dos Direitos Humanos, cujos departamentos irão receber parcelas respectivas do dinheiro arrecado com a indústria dos jogos.

 

"Essa é uma tarde brilhante para a segurança pública, para a cultura, para os esportes e, acima de tudo, para a população brasileira", disse o Parlamentar na ocasião.

 

apostas esportivasA medida provisória (MP 846/2018) dissertava sobre os procedimentos de loterias no Brasil, além de autorizar o funcionamento de apostas esportivas em  locais físicos e em sites online foi aprovada por alguns Deputados na primeira semana de novembro. Menos de duas semanas depois, passou pelo crivo total da Câmara e pelo do Senado.

Embora ainda seja cedo para afirmar que a lei não será revogada pelo novo Presidente da República, o militar aposentado Jair Bolsonaro, empossado no dia 1º de janeiro deste ano, os ventos sopram a favor da manutenção da antiga Medida Provisória. 

Devido a esses últimos acontecimentos, o time de futebol Corinthias, mais conhecido como Timão, tem conversado com uma casa de apostas para se tornarem seu patrocinador principal. O nome da empresa ainda não foi divulgado, mas a equipe do CasinoTopsOnline tem algumas suposições.

  • Bet365, que patrocina dez times da espanhola LaLiga;
  • 888, que patrocina o Birmingham City FC, entre outros times;
  • Betfair, que patrocina o Sevilla FC.

Jair Bolsonaro já declarou ser pessoalmente contra a legalização de casas de apostas e de jogos de azar, sejam físicas, sejam online, mas é a favor da federalização do assunto, ou seja, a transferência da iniciativa legislatória para cada estado. O presidente também afirmou ter intenção de mapear áreas onde exista a possibilidade de gerar mais empregos e promover a cobrança de impostos.